Prefácio

para você eu faria
o mais belo poema
se ao menos
quando peço
me desses
teu amor corpo

escreveria na tua carne
com minhas unhas
versos tão cortantes
que tu sangrarias
sentindo prazer

recitaria ao pé do ouvido
palavras loucas
cheias de torpor
e ousaria chamá-las
poesia

e quando satisfeita estivesse
achando que tudo terminou
descobriria então
que tudo que se passou
era apenas
o prefácio
( Pedro Tostes )

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: