Caos…

ironic
Essa confusão que tem me atormentado a dias, meses, e ruma a um ano…
Esse descompasso de passos, de sentimentos, de ações, de palavras de reações…
Essa instabilidade que me aflige, e ao mesmo tempo rege minha vida…
Essa insegurança, de quem não sabe onde pisar, porque se vê sem chão, sem caminho a trilhar…

 

Não é de hoje que sou assim, mas a cada dia que se segue, sinto que isso piora, como uma doença sem cura que tende a impregnar-me e transformar-me no meu maior medo.
Medo de não ser / ter nada!
Dentro dessa confusão de pensamentos que rodam em segundos minha mente, me perco!
Já não sei se o amo, se o odeio, se o mando embora, ou se sinto saudades!

 

Faço planos, de seguir em paz e só, e dentro da minha verdade é exatamente isso que quero!
E o que me impede então?
Sinto aquela vontade de falar, de ver, sentir, tocar, respirar…
Conscientemente sabendo que de verdade não queria mais, e como pode esses quereres serem tão opostos?!

 

Não pode, não são!
Não sei!

 

Quis deixar de pensar, de tentar entender o porque das coisas…
Quis guiar-me pelos meus sentimentos e momentos…
Continuei perdida…
Um pouco menos entristecida… talvez…
Mais forte… com certeza…

 

Já não sei o que pensar…
Só sei que não quero pensar…
Que quero deixar acontecer… sem premeditar meus próprios sentimentos…
Livrar-me dessa aflição… ansiedade que consome minha mente, alma e coração…
Desfazer-me de tudo isso, e até quem sabe de ti…

 

Seguir… sozinha…
Sem destino….
Apenas seguir.

Uma resposta to “Caos…”

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: